Democracia e Exercício do Poder: apontamentos sobre a Participação Política

André Ramos Tavares

Resumo


O artigo analisa a evolução da democracia, em especial sua mais avançada etapa, a saber, a democracia participativa, que surge como alternativa à impossibilidade de instaurar nas sociedades hodiernas uma forma direta de exercício do poder político. Verifica também as influências positivas e, principalmente, negativas do avanço tecnológico expresso na mídia de massa na efetivação da participação política, bem como o risco de associar a democracia à vontade da maioria. Há aqui, também, uma intrusão na temática da apatia participativa e de seus semelhantes. Por fim, como não poderia deixar de ocorrer, demonstra a pertinência e relevância da participação política para a Democracia e o Estado Constitucional e Democrático de Direito.

Palavras-chave


soberania popular; democracia; participação política; maioria; totalitarismo; Estado Constitucional e Democrático de Direito

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Revista Brasileira de Direito Constitucional - RBDC
ISSN: 1678-9547 (impressa) - 1983-2303 (eletrônica)
Escola Superior de Direito Constitucional - ESDC