O Direito do Mar e a legislação brasileira: a influência da Convenção de Montego Bay na Constituição Federal

Renata Baptista Zanin

Resumo


A humanidade sempre buscou o mar; muitos povos surgiram diante dos mares e ainda subsistem em razão de seus recursos. Diante de inegável importância e essencialidade para a toda a sociedade, foi sendo desenvolvida legislação específica para cada assunto veiculado no ramo do Direito do Mar. A Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar, ou simplesmente Convenção de Montego Bay é importante conjunto de normas que regula exaustivamente o território marítimo. O que se pretende neste presente trabalho é verificar sua influência no ordenamento jurídico interno e, principalmente, na Constituição Federal do Brasil de 1988 e em suas antecessoras.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Revista Brasileira de Direito Constitucional - RBDC
ISSN: 1678-9547 (impressa) - 1983-2303 (eletrônica)
Escola Superior de Direito Constitucional - ESDC